terça-feira, 23 de novembro de 2021

Pequenos poemas

 
"De todos os meus lamentos, o que mais me aflige é este:
o de não viver o suficiente para te amar, como desejo, tão suficientemente!"

(jose valdir pereira)

"Não me peças para, 
fazendo por onde, 
ganhar o teu amor; 
o amor não se ganha; 
sai de um coração para outro, assim, espontaneamente.
E mais: 
sem que esperemos, já estamos gostando, amando, querendo.
Se assim não acontecer, não vai haver, nem ter e nem ser 
amor!"

(jose valdir pereira)

"Que haja sempre luz no teu caminho e paz no teu coração; do teu amor, se só um pouco me queiras dar, já de mim todo o meu terás."

(jose valdir pereira)





Nenhum comentário: