amor

amor
Do amor divino. Do amor poético. Quando estamos guiados pelo amor divino, tudo encerra muita alegria e muita paz!

domingo, 7 de junho de 2020

Fosse eu, você!

FOSSE EU, VOCÊ!

Fosse eu, você, estaria nos meus braços agora,
sem razões nem motivos pra ir embora,
colada no meu corpo, sem querer sair.
sentindo os afagos do meu coração, em Si.

Fosse eu, você, me dava beijos e fazia amor,
saciava meus desejos há tanto tempo contidos,
depois nos meus braços ficava esmaecida
sem nenhuma pressa pra sair...

Fosse eu, você, seria tudo que eu queria,
qualquer coisa mais na vida importaria,
ao me ter em meus braços,
numa fricção de amor e de prazer,
então, por que não?

Fosse eu, você,meu amor,
de mãos dadas estaríamos por aí,
e noutras horas em casa, aos beijos e abraços,
me amaria,
até tudo em nós,
esmaecer.

- jose valdir pereira -


Nenhum comentário:

Postar um comentário