amor

amor
Do amor divino. Do amor poético. Quando estamos guiados pelo amor divino, tudo encerra muita alegria e muita paz!

segunda-feira, 15 de junho de 2020

É só uma viagem


É só uma viagem.
Em breve estarei no melhor lugar que possas imaginar.
Lá, não terei que perdoar nem ser perdoado, nem terei de deixar de te amar e nem de ser amado.
Um lugar aprazível, leve, sutil, cheio de brandura, flores e nuvens, alvas e puras, por onde estarei em passos lentos e sem medo a me transportar, em todos os lados, livre e solto, sem aquele medo de escorregar.
É majestoso o lugar, tão belo e estonteante quanto ás águas calmas verdes de um mar que dá boas-vindas aos que aqui chegam, com o coração puro, a alma divina e os olhos voltados para o bem.
Não vais, na tua vez, ouvir mais gemidos, nem gritos. É um lugar de pequenos sussurros e de vozes tênues e lânguidas, que rodeiam, constantemente, ao nosso derredor, fluindo paz e harmonia por onde passa.
Sem noite e sem dia, pois não há tempo, e o cheiro que tem deixa-nos em êxtase na eternidade da vida que se leva,  é um lugar onde o amor acontece em cada gesto e ação, onde a beleza resplandece em cada criatura que aparece, e onde todos que chegam, são recebidos com um abraço e com o carinho, afagos tão presentes em cada momento, como se fosse uma canção de louvor.
É só uma viagem.
Não tenha receio e nem se assuste, quando chegar sua hora, com o fascínio que lhe propiciará seus olhos, ao ver, e seu coração sentir, as maravilhas do caminho que o levará à melhor das moradas de todos as existentes.
É só uma viagem.
Ao fechar seus olhos, vai sentir-se levado pelas mãos carinhosas dos anjos, guardiões do melhor lugar que nunca esteve em você, na sua mente e no seu coração.
Seja bem-vindo.
É só uma viagem.

- jose valdir pereira -



Nenhum comentário:

Postar um comentário