amor

amor
Do amor divino. Do amor poético. Quando estamos guiados pelo amor divino, tudo encerra muita alegria e muita paz!

terça-feira, 11 de agosto de 2020

Sobre namorar alguém

 Namore alguém que emocionalmente te ame e espiritualmente te fortaleça.

 Thamilly Rozendo

 Namore alguém que desperte o teu riso fácil, alguém que ame o teu jeito bagunçado e que se importe com o que você sente. Alguém que não dê as costas para a sua dor e que te acolha mesmo não entendendo os seus porquês. Namore alguém que seja teu amigo, que goste da tua risada escandalosa e que veja graça nas suas piadas sem graça.

 Namore alguém que emocionalmente te ame por inteiro, sem desculpas. Alguém que deixe os “e se” de lado e queira viver uma história ao seu lado.

 Namore alguém que emocionalmente ame o seu jeito desastrado de ser porque sabe que mesmo quebrando tantas coisas e derrubando tantas outras, você jamais quebraria o mais importante: O seu coração.

 Alguém que veja que por detrás dessa pose de durona há alguém com um coração disposto a amar, mas que talvez depois de tantos tombos preferiu recuar. Alguém que seja companhia para as tempestades e não apenas quando o sol queira brilhar.

 Namore alguém que emocionalmente te ame sem precisar de maquiagem para ganhar elogios, sem precisar de roupas novas para reparar em você, alguém que veja a tua alma bonita e que saiba que você tem um coração enorme, disposto a transbordar.

 Alguém que não dependa da tua beleza, do teu charme, dos teus encantos e da tua inteligência, para te amar. Mesmo você sendo uma avalanche de coisas lindas, causando sentimentos que o desmonte por inteiro, mesmo que você desperte um sorriso apenas com o teu jeito de olhar. Namore alguém que veja além de um corpo, uma admiração e uma atração. Namore alguém que veja e seja amor. Que olhe para aquilo que está além do que os olhos possam ver: A nossa alma bonita.

 Namore alguém que emocionalmente te ame, mas que espiritualmente te fortaleça. Alguém que te incentive a ser melhor e que saiba o significado da palavra respeito. Alguém que olhe para você e veja ali a mais bela obra da criação, que veja o teu coração entregue a Deus e que deseje se achegar ao dele, antes de conquistá-lo.

 Namore alguém que te ame da forma mais bonita, alguém que te ame em oração. Alguém que emocionalmente ame o seu sapato colorido mesmo achando que ele não combina com aquele seu vestido azul. Alguém que deseje ser cuidado e cuidar, ser abraçado e abraçar. Que desperte o teu sorriso e que saiba segurar a tua mão quando tudo estiver indo mal. Alguém que queira orar com você e por você como quem deseja ter essa história escrita por Deus. Namore alguém que emocionalmente te ame como quem tem uma grande mulher ao seu lado, mas que espiritualmente te fortaleça, como quem deseja paz, como quem sabe que o autor da criação tem arquitetado planos maravilhosos para essa criação tal singular: Você!

 Fonte: http://www.asomadetodosafetos.com



 

A bailarina


DA BELEZA DOS ANJOS DA DANÇA.

 

Uma convidada



Uma convidada especial





 

Encontro com os amigos

 

O esplendor da flor

 

Como é o começo do amor, na relação com alguém, com as coisas, com as criaturas de Deus.

 O amor começa sendo gentil e sensual, e na medida em que dá passos seguidos e firmes para sentir, de vez, a doçura do coração de quem o acolhe com tal gentileza e sensualidade, cai no enlevo da alma que o deseja e do corpo que o enseja e nele, por ele e para ele, vive nessa sedução, inteira e desmedida emoção...

Amar, amar de verdade, é adentrar mar adentro, para viver todas as emoções de uma mar, ora de águas calmas e dengosas, ora de águas que açoitam as encostas, por onde passa, calmo ou em fúria, e até o que estiver no mais profundo esconderijo do seu âmago existencial...

O amor é um sentimento tão imprevisível, que chega, às vezes, a se comportar de forma inexplicável!

(jose valdir pereira)...

  



Deu nisso...

 DEU NISSO...

Eu te quis muitas vezes. ah, como eu te quis. Já foste minha maior paixão, meu maior desejo. Vivias impregnada em todos os meus pensamentos. meu olhar se perdia no horizonte à procura de ti, tendo, nos vultos que se perdiam na lonjura do meu alcance, a impressão que eras tu.

Já imaginaste, acordar pensando em mim, sentir meus beijos, o calor do meu corpo roçando o teu, e a murmurar palavras suaves e prazerosas para que eu te fizesse, no amor que me davas, chegar ao orgasmo múltiplo?

E quanto endeusamento, quanta veneração desfrutavas do meu coração, que eram traduzidos pelos gestos, palavras e oferendas. Já foste tão minha, nos meus sonhos, nos planos e nas ideias! Já foste tão feliz comigo na minha ingênua imaginação! Eu já te quis tanto! Ah, como eu te amei!

Agora, diante do tanto que já te amei, porque não te amei por ser teu amor e por seres minha, estou a medir o desperdício daquele amor tão puro, inocente e inconsequente.

Mas, sabe, até chego a pensar que o amor naquele tempo era tão imaturo...Um amar unilateral, dá nisso. Parecia do tipo platônico. Mas eu não sabia. Contigo eu dormia, contigo eu acordava, vivia todos os momentos. Parecia tão feliz! Os sonhos sonhados, incontáveis. E até o que acontecia, em nenhum caso de amor, tanto amor poder-se-ia ter vivido ou já haver acontecido.

Sim. Eu te quis muitas vezes. Mas agora, é inacreditável! Tudo não passa de reminiscências sem valor, lembranças que me fizeram entender, que o amor a ser despertado em nós por alguém, só acontece, se sentimos que está a acontecer o mesmo sentimento no outro.

- jose valdir pereira - 



segunda-feira, 10 de agosto de 2020



A melhor maneira de deixarmos bem claro que amamos alguém,
é assegurar esse gostar com todas as evidências possíveis e, o melhor: 
sermos constante nesse amor. 
É que, sobre esse gostar, não deve pairar nenhuma sombra de dúvidas."

(jose valdir pereira)



 

Não O vemos, mas...



NÃO O VEMOS, MAS...

Não O vemos, não O sentimos e não nos importamos com Sua presença em nosso coração, mas Ele está sempre ali, nos cativando, nos amando e nos abençoando.

 Se não fosse assim, já teríamos sucumbido. Somos dados aos desastres, ao soberbo, aos excessos, às facilidades, ao supérfluo, a desdenhar a vida...

 Às vezes, aprendemos cedo; às vezes, tarde; outras vezes, muito tarde...

 e algumas vezes, nem aprendemos!

 (jose valdir pereira)




 

domingo, 9 de agosto de 2020

Homenagem ao poeta pai



Oi papai! É a Rebeca, Feliz Dia dos Pais!!!!! A gente aprendeu a tocar essa música juntas especialmente pra homenagear o senhor. Compramos até figurino!! Agradeço sempre  a Deus porque o senhor é o meu pai. Te amo!! Saudades!! Bjs ❣️

Oi papai é a Raquel, eu só queria desejar um feliz dia dos pais pro senhor e que o senhor continue sendo nosso pai pra sempre! O senhor é muito saudável e tem que viver ainda por muito tempo! Eu amo muito senhor e obrigada por estar sempre do meu lado.






 

Quando caibo em ti...

 

Sou grande quando caibo em ti 


"Eu me reescrevi para ti! 

Vejo-te melhor na tua intimidade..

Converso com o teu coração.

Leio teus lábios.

Refaço-me dentro de ti todas as vezes que me entrego aos teus benditos lampejos de amor... 

Sou teu frenesi, minha toda razão de ser... 

Meu amor. 

Sou grande quando me deixas caber na tua pequenez, 

na tua volúpia noturna, matinal, vespertina... 

nos teus sussurros de amor!" 

(josé valdir pereira)



sábado, 8 de agosto de 2020

Os amigos

 



Os amigos percorrem caminhos diferentes, 

mas não se perdem uns dos outros.

 (jose valdir pereira)