Livro infantojuvenil do poeta

Livro infantojuvenil do poeta
O MAIS RECENTE LIVRO DO POETA

terça-feira, 12 de maio de 2015



"Tente evitar que os tiranos governem a terra. 
 Insista em oferecer-lhes flores. 
Se não conseguirmos erradicá-los, serão, com o tempo, 
em menor número, e escassa será sua venenosa prole!"
(jose valdir pereira)




quinta-feira, 19 de março de 2015





"Por todos os caminhos você pode caminhar, 
é o livre arbítrio,
mas apenas por um deles você consegue chegar
aos braços de Deus. 
O caminho da retidão, do amor e da bondade.
Mas neste caminho, é preciso fazer da palavra de Deus, 
sua luz, seu guia, seu rumo, sua vida."
(jose valdir pereira)








segunda-feira, 16 de março de 2015

Para lembrar de como foi...


"Para lembrar de como foi o primeiro jeito, gesto de amor...

Tudo o que é virgem precisa ser visto de tal sorte que o zelo de o tê-lo é norma...há que ser gentil, como se uma bela e preciosa pétala, de uma rara flor, a última, em suas mãos chegasse...Assim: pura, bela e cheia de candura, dessa que ostenta um buquê de jasmim...


Tudo que é novo precisa de tempo, paciência, admiração, contemplação, adoração...leveza, sutileza no toque, nas carícias, no olhar da tímida nudez, no aconchego das almas que prova do manjá dos deuses e deusas...aproximam-se na querência ardente do desejo contido, que ao fogo se darão...


...para ser desfrutado possuído...por anos afora... 


...até que se crie o respeito, o melhor jeito...para tornar-se seu, pleno e aberto, livre e amado...


e o desejo para despertar sempre que lembrar de como foi o primeiro jeito, gesto de amor...


...E amar, amar, amar!"(jose valdir pereira)







"Tempo algum, lugar algum haverá sem estarmos juntos, 
nem que a única possibilidade seja a dos pensamentos." 
(josé valdir pereira)