o poeta

o poeta
o poeta e sua mamãe

quinta-feira, 8 de novembro de 2012




"...Se puder preferir, deseje estar perto da natureza, do mar, dos rios, dos igarapés ou dos lagos e lagoas...jardins e pomares...

Ou, pelo menos, deseje e faça e lute para que continuem a existir na face da terra...

É à mercê dessas belezas naturais que estão o cheiro, a completude da criação, que reflete a nobreza e o amor do nosso amado arquiteto do universo..."

(jose valdir pereira)










Nenhum comentário:

Postar um comentário