amor

amor
Do amor divino. Do amor poético. Quando estamos guiados pelo amor divino, tudo encerra muita alegria e muita paz!

domingo, 21 de junho de 2020

Do amor fruto da amizade, da amizade fruto do amor



DO AMOR FRUTO DA AMIZADE, DA AMIZADE FRUTO DO AMOR!

Sei que não é tão fácil, assim, encontrar um amor, ainda mais um amor amigo, com que se possa viver suas alegrias, seus destemperos da vida e suas horas de agonia.
Desde que te vi, no entanto, enxerguei teu coração, puro e singelo, celebrando nosso encontro, tocando no meu como se conhecessem há muito tempo, mesmo tão distantes vivêssemos, tão assim, indiferentes e sem sonhos iguais.
Dava-me à noite e nela me encontrava à mercê da solidão que tomava conta do meu tempo e da minha maneira de viver.
Foi só na brecha do tempo e no menor espaço, que chegaste a mim entregue por Deus, mesmo que houvesse no meu âmago tanta tristeza, mas longe, muito longe da alegria e dos sorrisos que ganhei ao me teres em teu caminho, ao te encontrar com as mãos estendidas, entregando-me tua vida à minha.
É que, nessa minha caminhada, não sabia que havia criado um jardim cheio de flores e que entre tantas, tu estavas, com tua beleza singular e eivada do perfume que inebriou minha alma e meu jeito de te quer.
Afagos e carícias ganharam meu coração e nada mais NOBRE e gentil que teus sorrisos, como que me convidassem para te amar e ser o dono do teu.
E que me entreguei a dedicar-me ao jardim onde estás, a mais linda de todas as flores, por quem tenho carinho e amor especial, de quem desfruto de toda a beleza que encerras, da fragrância que exalas e da amizade que sustenta esse amor e esse amor que sustenta essa amizade.
- jose valdir pereira -




Nenhum comentário:

Postar um comentário